O que é Chatbot e porque sua empresa deve usá-lo.

Chat Bots em Atibaia: Automatize seu atendimento online por chats

Quando a Internet foi expandiu-se pela primeira vez para uso doméstico através de empresas como a America Online, BOL, UOL e outras, os usuários estavam encantados com  quão interessante era ir em salas de bate-papo e conversar com pessoas do mundo todo. Agora, décadas depois, as pessoas estão entusiasmadas com outro conceito relacionado ao bate-papo: o chatbot.

 

O que são os bots para bate-papo?

Bots para bate-papo ou Chatbots são programas que imitam a conversa com pessoas usando a inteligência artificial. Eles podem transformar a maneira como você interage com a internet com uma série de tarefas auto-iniciadas para uma quase conversa.

 

Razões para implementar o Chatbot

Todas as grandes empresas anunciaram suporte para Chatbots

É difícil para as novas tecnologias decolar se empresas e marcas bem conhecidas não reconhecem que vale a pena usá-las. No caso de chatbots, todas as grandes empresas mostraram publicamente a disposição de apoiar a tecnologia , e algumas empresas até renovaram seus sites para incluir chatbots no conteúdo.

O LinkedIn é um desses exemplos. Quando a empresa lançou uma nova versão de desktop no início de 2017, melhorou os recursos de mensagens para permitir que as pessoas conversassem através de janelas pop-up em seus feeds principais, em vez de ter que navegar para outra página para conversar. A área principal do site também ganhou um recurso de chatbot.

O LinkedIn sempre se concentrou em redes, e algumas pessoas podem ter dificuldade em  “quebrar o gelo” para fazerem os primeiros contatos. Para ajudar, há um chatbot que sugere inícios de conversas em perfis com interesses em comum. A característica também vai um passo adiante e oferece os nomes de pessoas para conversar com empresas em particular, mesmo para aqueles que não estão prontos para as conversar.

 

A nova geração estão começando a vida consumista e gostam de usar chats

Os analistas estão prestando ainda mais atenção à geração milenar do que o habitual em 2017. Este grupo societário é extremamente grande, e as pessoas que estão dentro dele estão prestes a atingir a época de suas vidas onde provavelmente poderão gastar mais. Com isso em mente, os executivos de muitas empresas buscaram características compartilhadas entre esse público para determinar a melhor forma de interagir com eles. Geralmente, eles são anciosos,  não gostam de esperar as coisas.

Esses traços significam que há uma boa chance que este novo público realmente apreciem as interfaces de bate-papo de alta tecnologia. Em geral, as pessoas de 35 anos e mais jovens preferem conversar do que enviar emails. Mensagens instantâneas ajudam a resolver problemas rapidamente sem se distrair. Os Chatbots permitem que as pessoas enviem suas consultas em segundos e recebam respostas quase que instantaneamente, independentemente da hora do dia.

Alguns chatbots são até projetados para ajudar os clientes a tomar decisões de compra. Considerando que este novo público estão prestes a comprar mais do que o habitual, os chatbots que podem influenciar o comportamento de compra são especialmente vantajosos. Eles também dão as informação que precisam sem demora.

 

 

Consumidores estão se tornando mais tecnológicos

Há curvas de aprendizagem com a maioria dos novos tipos de tecnologia, mas uma grande vantagem de chatbots é que as pessoas agora podem interagir com elas no Facebook Messenger, uma plataforma que possui mais de 1 bilhão de usuários ativos por mês e mais de 45.000 desenvolvedores tornando o Messenger compatível aos chatbots.

A Microsoft também possui sua própria plataforma de criação de bate-papo, e a criação de todos esses novos chatbots significa que os consumidores estão cada vez mais familiarizados com eles.

Para muitas pessoas, usar o Facebook Messenger é uma necessidade básica. Os usuários do Messenger já dependem desse serviço para conversar com amigos e familiares, por isso não há dificuldades para eles utilizarem os  chatbots para alguma necessidades relacionadas às suas marcas favoritas. Uma vez que muitos sites de comércio eletrônico tiveram recursos de bate-papo ao vivo por alguns anos, os compradores online geralmente são familiarizados ​​com o uso de aplicativos baseados em bate-papo para transmitir suas necessidades.

No lado comercial das coisas, os chatbots podem cuidar de tarefas repetitivas para aliviar gastos com atendentes humanos, ao mesmo tempo em que aumentam a eficiência e melhoram as experiências dos clientes .

Quanto mais freqüentemente os clientes usam chatbots, mais provável são empresas, empresas de aplicativos e especialistas em tecnologia desenvolverão e integrarão chatbots em tarefas diárias. Por sua vez, os clientes ficam satisfeitos e os funcionários podem dedicar atenção a outras partes da operação de uma empresa, ou pelo menos usar chatbots para garantir que os membros da equipe de suporte humanos sejam realmente necessários para lidar com certos problemas.

Os fatores discutidos acima deixam claro que os chatbots estão realmente começando a decolar, e eles provavelmente serão extremamente prominentes nos próximos anos. Na verdade, podemos olhar para trás em 2017 e perceber que os chatbots se misturaram suavemente à sociedade e mudaram a forma de atendimento online.

 

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *